De que está à procura ?

suica
Lisboa
Porto
Berna, Suiça
Comunidades

Universidades portuguesas abrem portas aos estudantes em França

Com o objetivo de promover e valorizar o Ensino Superior Português, a Cap Magellan fez de Portugal o país convidado do Salon Partir Étudier à l’Étranger. No evento, entre os dias 26 a 28 de novembro, estarão presentes dezenas de instituições portuguesas.

Fundada em Paris em 1991, a Cap Magellan é a maior associação de jovens lusodescendentes que partilham a mesma vontade de promover a língua portuguesa e a cultura lusófona. A associação foi pioneira em vários projetos e ações que destacam os trunfos de uma dupla cultura no seio de uma sociedade em plena mutação.

No fim de semana de 26 a 28 de novembro de 2021, realizar-se-á o Salon Partir Étudier à l’Étranger. Este ano, regressa ao seu formato presencial, no Parque de Exposições parisiense, Porte de Versailles 75015, e Portugal estará presente enquanto convidado de honra.

Com o objetivo de estar mais próxima dos jovens lusodescendentes, e sempre nessa preocupação de promover a língua portuguesa em França e responder às necessidades dos estudantes, a Cap Magellan tem desenvolvido campanhas de valorização dos estudos e das formações do ensino superior em Portugal, nomeadamente sobre o contingente especial de 7% reservado a lusodescendentes no acesso ao ensino superior português.

Tendo acompanhado de maneira personalizada dezenas de candidatos ao contingente especial nos últimos anos, a Cap Magellan contribuiu com certeza para o crescimento de 52% do número de emigrantes e lusodescendentes colocados no Ensino Superior Português, entre 2018 e 2020. Consciente de que esse crescimento fica ainda assim aquém da realidade dos números de lusodescendentes fora de Portugal e particularmente em França, a Cap Magellan continuará a trabalhar esta temática.

Todo este trabalho de terreno vai culminar no próximo mês de novembro com Portugal país convidado de honra no Salon Partir Étudier à l’Étranger de Paris, integrado no Salon Européen de l’Education. O mês de novembro de 2021 coincide ainda com o lançamento das celebrações dos 30 anos da Cap Magellan, iniciadas a 24 de novembro de 2021, até 23 de novembro de 2022.

A Cap Magellan convenceu, assim, a estrutura L’Étudiant, organizadora deste Salon, numa colaboração estreita com o Secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, com a Secretária de Estado das Comunidades e com o Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, a colocar Portugal como país convidado de honra e a organizar um espaço de 100m2 dedicado à presença de universidades e politécnicos portugueses no Salon Européen de l’Education de Paris, a maior Feira direcionada para o mundo estudantil que acolhe todos os anos mais de 600.000 estudantes e regressa, em 2021, ao formato presencial.

Organização do Salão

O evento espera a presença de 100 stands e 10.000 visitantes. Dentro da programação anunciada, videoconferências e conversas nos stands permitirão encontros entre as instituições e os jovens acompanhados pelos pais, ou em visitas de estudo com a escola. O Salão tem como público alvo os estudantes dos liceus franceses, recém-formados e também os estudantes das universidades, que desejam prosseguir os seus estudos no estrangeiro, com o objetivo de os informar e lhes propor várias opções de percursos estudantis.

Portugal enquanto país convidado de honra

No seu papel de convidado de honra, Portugal estará representado por dezenas de instituições do ensino superior público e privado e do Governo Português. Estão desde já confirmadas as presenças do CCISP (Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos), de 9 Institutos Politécnicos (Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Leiria, Portalegre, Porto, Setúbal, Viana do Castelo e Viseu), de 6 Universidades (Aveiro, Católica, Évora, Minho, Porto e Trás-os-Montes e Alto Douro), da Agência Erasmus + de Portugal e da DGES (Direcção Geral de Ensino Superior), num trabalho coordenado com a Secretaria de Estado das Comunidades e a Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Estará naturalmente presente a Cap Magellan, bem como o parceiro bancário exclusivo Banque BCP.

O Salon Partir Étudier à l’Étranger, estando confirmado no seu formato presencial, será um momento de celebração do Ensino Superior Português, bem como da amizade entre Portugal e França, que se encontra encarecida pela atual transição entre a Presidência rotativa do Conselho da União Europeia portuguesa, que terminou em junho, e a próxima Presidência francesa, que se inicia em janeiro, antes da Temporada Cruzada França-Portugal, que terá o seu início em fevereiro de 2022.

#portugalpositivo