De que está à procura ?

suica
Lisboa
Porto
Berna, Suiça
Lifestyle

Uma ‘app’ portuguesa para seguir a evolução da covid-19

Uma nova versão da aplicação EyeData, desenvolvida pela agência Lusa e Social Data Lab e especialmente vocacionada para seguir a evolução da covid-19 em Portugal e no mundo, está a partir de agora disponível, anunciaram os promotores.

O novo EyeData Covid-19 “oferece informação estatística mais exaustiva e mais fina sobre a realidade e a evolução da pandemia”, segundo Pedro Camacho, diretor de Inovação e Novos Projetos da Lusa.

Acrescentou que nova plataforma permite descobrir diversos indicadores sobre a doença causada pelo novo coronavírus, como o número total de casos confirmados, total de casos por número de habitantes ou total de casos por 10 km2.

O total de óbitos, de doentes recuperados, infetados ativos, testes acumulados, novos casos confirmados, ou ainda internamentos e internamentos em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI), são outros indicadores disponibilizados pela nova aplicação.

A nova plataforma dedicada à covid-19 complementa a nova versão do EyeData, disponibilizada na semana passada, que “reforçou o leque de indicadores para Portugal, União Europeia e Mundo”, e passou a incluir variáveis de opinião dos Eurobarómetros, “o que alargou de forma muito significativa a abrangência de assuntos tratados”, sustenta Pedro Camacho.

Paralelamente, o desenho da plataforma digital e as suas funcionalidades foram redesenhadas “melhorando a experiência do utilizador e tornando a aplicação mais intuitiva e fácil de usar”.

Com o EyeData e o novo EyeData Covid-19 passa a ser agora possível “comparar de forma instantânea dados estatísticos da pandemia em qualquer parte do mundo” e cruzá-los “com centenas de dados sociais, económicos e políticos”.

Permite também cruzar os indicadores da covid-19 com os restantes dados estatísticos disponíveis, como a percentagem de população idosa, a densidade populacional, o número de camas em hospitais ou o nível de poluição, entre muitos outros.

As novas plataformas digitais desenvolvidas pela agência Lusa e pelo Social Data Lab, são, segundo Pedro Camacho, uma “janela de informação sobre Portugal e o mundo”, permitindo mostrar realidades estatísticas complexas “de forma simples, intuitiva e rápida” e ajudando os interessados “a ler e a entender o mundo” atual.

#portugalpositivo