De que está à procura ?

Lifestyle

Rui Fernandes apresenta novo disco em quarteto

© DR

O músico Rui Fernandes apresenta o disco duplo “A Viola Amarantina” como homenagem a este instrumento de cordas originário de Amarante e também chamada de viola de dois corações devido às duas aberturas frontais em forma de coração.

Criador de composições originais, Rui Fernandes, natural de Vila Real, ao ser desafiado a praticar a viola amarantina em 2018 acabou por se dedicar a esta com o intuito de mostrar que esta viola tem muito mais para dar à música do que ser apenas um instrumento de acompanhamento musical.

“A Viola Amarantina” apresenta 11 composições originais de Rui Fernandes criadas para este instrumento português, com claras influências que vão desde a música erudita, ao jazz, passando pelo country e, naturalmente, a música popular portuguesa.

O disco duplo oferece duas opções claras de audição: ouvir todas as músicas a solo, onde Rui Fernandes expõe a sonoridade deste instrumento explorando-o timbricamente ou ouvir em versão quarteto para o qual foram feitos arranjos para 9 composições e convidados os músicos: Pedro Neves, piano, Miguel Ângelo, contrabaixo e Ricardo Coelho, percussão.

O resultado final é surpreendente e singular uma vez que este trabalho abre um caminho que nunca até ao momento foi feito onde vários estilos e muitas influências se cruzam e onde fica claro que a Viola Amarantina, para além de uma sonoridade “aveludada”, tem uma extraordinária versatilidade e não pode nem deve ficar “refém” do rótulo colado à música tradicional. É uma viola portuguesa para ser útil à música do mundo.

TÓPICOS