De que está à procura ?

suica
Lisboa
Porto
Berna, Suiça
Mundo

Jovem português conquista prata nas Olimpíadas Internacionais de Informática

Kevin Pucci, aluno do 12.º ano do Agrupamento de Escolas Dr. Júlio Martins, de Chaves, obteve, pelo segundo ano consecutivo, a medalha de prata para Portugal na 31.ª edição das Olimpíadas Internacionais de Informática (IOI), que se realizaram em Baku, no Azerbaijão, de 4 a 10 de Agosto. Com a participação de 329 alunos de escolas secundárias provenientes de 87 países, a iniciativa incluiu competições de cinco horas e três problemas diários, com o objetivo de colocar à prova os conhecimentos informáticos e algorítmicos dos participantes. Para o jovem flaviense, cuja participação nestas e noutras olimpíadas partiu do professor de Matemática, “esta iniciativa foi muito positiva” e, tendo em conta a qualidade dos participantes, “Portugal nunca esteve tão perto de conquistar a medalha de ouro”.

Este ano, a representar Portugal na competição estiveram, além de Kevin Pucci, David Nassauer (Escola Secundária D. Filipa de Lencastre, em Lisboa), Pedro Dias (Escola Alemã de Lisboa) e Ricardo Antunes (Agrupamento de Escolas de Castro Verde). A delegação foi liderada pelo professor Pedro Ribeiro, da Universidade do Porto, juntamente com Gonçalo Paredes, aluno de Ciência de Computadores na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, e antigo participante destas olimpíadas.

Durante as IOI foram também entregues os prémios correspondentes ao Concurso Ibero-Americano de Informática e Computação, uma prova internacional destinada a preparar os melhores alunos de vários países da América Latina e da Península Ibérica para as IOI. Aqui, Portugal obteve uma medalha de ouro (Kevin Pucci), duas medalhas de prata (Diogo Nogueira e Pedro Dias) e três medalhas de bronze (André Guimarães, David Nassauer e Paulo Cortesão).

Portugal participa neste evento desde 1992, com alunos selecionados através das Olimpíadas Nacionais de Informática, organizadas pela Associação para a Promoção e Desenvolvimento da Sociedade da Informação (APDSI). Para Bruna Martins, da APDSI, esta “é a prova de que o nosso país continua a manter e a preparar mentes brilhantes”. “O Kevin não só participa nas Olimpíadas Nacionais e Internacionais de Informática, como também tem participado nas Olimpíadas de Matemática, tanto a nível nacional, como internacional”, contou, sublinhando o facto de estes alunos acharem que podem fazer sempre mais. “Não só por eles, mas pelo país que estão a representar.” Além disso, “os alunos têm oportunidade de competir com estudantes de outros países, de conviver com outras culturas e de visitar o próprio país”.