De que está à procura ?

suica
Lisboa
Porto
Berna, Suiça
Suíça

“Emigrantes são os grandes embaixadores de Portugal na Suíça”

A secretária de Estado das Comunidades Portuguesas sublinhou esta quinta-feira a forma como a comunidade na Suíça ajuda a alavancar o turismo nacional, ao mostrar aos suíços o que de melhor existe em Portugal, como na gastronomia.

Berta Nunes falava à agência Lusa a partir de Berna, no quinto dia de uma visita à Suíça, onde se encontra até sábado, durante a qual a governante se tem reunido com a comunidade portuguesa naquele país, composta por cerca de 260 mil cidadãos.

No final de um encontro com o Secretário de Estado para as Migrações, Mário Gattiker, Berta Nunes congratulou-se com a forma como este se referiu à comunidade portuguesa na Suíça: “Bem-sucedida, que não dá problemas e é por isso muito apreciada”.

Nos últimos dias, Berta Nunes identificou “portugueses muito bem-sucedidos, alguns dos quais fizeram o seu percurso educativo todo na Suíça, seguindo a via profissionalizante e criando empresas”.

Berta Nunes destacou que alguns dos empresários portugueses com quem contactou demonstraram interesse em investir em Portugal.

A governante alertou para o enorme potencial dos empresários portugueses na Suíça, tanto para a divulgação de Portugal, como na área da restauração, e deu o exemplo de um restaurante que visitou na quarta-feira, propriedade de Júlio da Silva, um português de Amarante, que tem sido um embaixador da cultura portuguesa e, nomeadamente, da sua terra no distrito do Porto.

O empresário “tem uma grande ligação a Portugal, vai praticamente todos os meses a Portugal, compra produtos em Portugal e leva suíços a visitar Amarante, a sua terra”, disse.

A este propósito, afirmou que “as comunidades também são importantes e os empresários da restauração para dar a conhecer a gastronomia portuguesa, os produtos portugueses e até alavancar o turismo, porque todos os meses [este empresário português a residir na Suíça] vai a Portugal e leva muito frequentemente portugueses a visitar Portugal”.

Além destes exemplos dos muitos casos de sucesso que encontrou, Berta Nunes também identificou problemas, como no ensino do português, que prometeu registar para poder ajudar.

Berta Nunes reuniu-se com associações de pais, professores e a Coordenação do Ensino de Português na Suíça, que lhes proporcionaram “uma panorâmica geral do ensino do português e de alguns obstáculos no sistema educativo que algumas famílias portuguesas referiram”.

A secretária de Estado também contactou com médicos e profissionais de saúde portugueses na Suíça, que têm tido “um papel importante no apoio à comunidade e na identificação de algumas situações” que o Governo português irá “acompanhar”.

#portugalpositivo