De que está à procura ?

suica
Lisboa
Porto
Berna, Suiça
Comunidades

Quatro mortos em acidente de autocarro com emigrantes portugueses

Quatro pessoas morreram este domingo e outras 27 ficaram feridas, três em estado grave, num acidente de autocarro que transportava emigrantes portugueses perto de Lyon,  segundo um balanço provisório das autoridades.

O acidente ocorreu por volta das 04h30 (03h30 em Lisboa), perto da localidade de Charolles, no município de Saône-et-Loire, no centro de França, na Estrada Nacional 79 na direção Mâcon-Moulins, num troço da RCEA (Estrada Centro Europa e Atlântico), “conhecida por ser muito perigosa em França”, segundo a edição online da Creusot-Info, citada pela agência francesa France Press.

Segundo o CM, Sônia Ângelo, responsável pela empresa de autocarros ‘Rota das Gravuras’ confirmou que todos os ocupantes eram portugueses. “Estavam 32 portugueses no autocarro. Partiram de Vila Nova de Foz Côa para a Suiça, por volta das 9h00/10h00 de sábado”, esclarece Sônia.

Os portugueses, emigrantes, estavam de regresso após as férias de Natal a Genebra. Sônia revelou que a sua empresa foi contratada para fazer aquele transporte. No autocarro seguia uma criança com cerca de 10 anos e, os restantes ocupantes eram todos adultos.

Segundo avança a BFM.TV, para o local foram mobilizados 70 bombeiros. O acidente ocorreu na estrada nacional 79, chamada RCEA (Estrada Centro Europa e Atlântico) e considerada perigosa.

Também há indicações de que as estradas estão cobertas de gelo sendo, este a causa provável, do acidente.

É o acidente mais mortal em França desde maio de 2016, em que 12 portugueses morreram na mesma estrada na sequência de um choque frontal entre a carrinha em que seguiam e um veículo pesado.

O secretário de Estado das Comunidades, José Luís Carneiro, disse à Lusa pouco depois das 07:30 que já estava em contato com os consulados de Lyon e Genebra para apurar a dimensão do acidente, sem adiantar mais informações.

autocarro