De que está à procura ?

suica
Lisboa
Porto
Berna, Suiça
Suíça

O historiador mais português da Suíça lança novo livro

Autor de uma dezena de livros o historiador suíço mais especializado em Portugal, Reto Monico apresentou no passado dia 13 de janeiro a sua recente obra escrita a quatro mãos com o professor brasileiro Francisco das Neves Alves “Brasil 1964: Ecos do Golpe no Mundo”.

Neste livro sobre esta viragem histórica no maior país da América Latina, os dois autores analisam detalhadamente os jornais portugueses, suíços e americanos, mas estudam também os principais periódicos espanhóis, italianos, austríacos, franceses, alemães, ingleses e belgas. No caso da Suíça, as fontes jornalísticas são completadas pelos relatórios escritos pelo embaixador helvético no Rio de Janeiro e por dois professores universitários e por três programas da rádio e da televisão da Suíça francesa.

Reto Monico é o suíço que mais tem estudado acontecimentos históricos portugueses. O autor nasceu no Tessino (cantão italófono da Suíça). Depois de ter terminado o liceu em Bellinzona estudou na Faculdade de Letras da Universidade de Genebra, onde obteve a licenciatura em 1977 e o doutorado em 2003, com a tese “Suisse-Portugal: regards croisés (1890-1930)”, editada em 2005. Lecionou no ensino secundário de 1976 a 2013. Fala 6 línguas e escreve fluentemente em três. É ainda o Vice-Presidente da ALALS – Académie de Lettres et Arts Luso-Suisse e estes últimos anos publicou unicamente trabalhos em Portugal e no Brasil.

Para quem não teve a oportunidade de estar presente neste evento, ainda poderá assistir à próxima apresentação da obra, em Vevey, em 21 de abril.

(Reportagem de Augusto Lopes)