De que está à procura ?

suica
Lisboa
Porto
Berna, Suiça
Motores

Equipa portuguesa de ralis em forma para o europeu

Depois de mais um sucesso registado nos Açores, na abertura do ERC 2018 – o campeonato europeu de ralis-, onde desta vez conquistou dois lugares no pódio com Ricardo Moura e Bruno Magalhães, a ARC Sport continua a sua caminhada no Campeonato da Europa de Ralis, apoiando não só os vice-campeões da Europa Bruno e Hugo Magalhães, mas também a espanhola Emma Falcón, que vai voltar a competir na sua ilha com a equipa de Aguiar da Beira.

Para Bruno Magalhães este é um dos melhores ralis de asfalto do campeonato, sentindo que o Skoda Fabia R5 está pronto para mais este desafio.

“Tenho boas recordações desta prova, onde já alcançámos um pódio. É um dos bons ralis de asfalto que conheço e de que gosto bastante. O nosso objetivo é regressar aos lugares do pódio, apesar de contar com uma concorrência muito forte. No ERC os pilotos locais são sempre um obstáculo muito complicado, e os espanhóis irão ser mais uma dificuldade, numa prova que conta com 28 carros da categoria R5. Tendo por base a experiência que já adquirimos, fizemos algumas alterações ao Skoda durante os testes, esperando que tenham um efeito positivo ao longo da prova”, afirmou, confiante, Bruno Magalhães.

A correr mais uma vez nas suas Canárias, Emma Falcón, acompanhada por Eduardo Delgado num Citroen DS3 R3, não prescinde dos cuidados técnicos e das atenções da ARC Sport.

“Espero que desta vez as coisas corram muito melhor. Apesar de ser numa ilha diferente da minha, conheço bem este rali, onde conto com o apoio do meu público e da afición das Canárias. Num piso de asfalto a que estou mais habituada, vamos tentar lutar por um bom resultado na categoria R3, numa prova que não deixa de ser espacial para mim”, afirmou Emma Falcón.

Para a formação de Aguiar da Beira o Rally Islas Canarias representa mais um importante registo na caminhada europeia da equipa.

“Sabemos das dificuldades que vamos encontrar em mais um desafio europeu de elevado nível, mas estamos confiantes nos nossos pilotos e na preparação que fizemos para uma exigente prova de asfalto, onde a competitividade das equipas presentes é uma realidade. Desejo ao Bruno e à Emma a melhor sorte neste segundo desafio europeu do ano, com a certeza de que tudo faremos, para que alcancem os respetivos sucessos”, disse Augusto Ramiro.

O Rally Islas Canarias conta com 14 troços de asfalto ao cronómetro, com a primeira prova especial de classificação agendada para a próxima sexta-feira às 09h08 portuguesas e o derradeiro troço marcado para as 15h00 de sábado, dia 5 de maio.