De que está à procura ?

suica
Lisboa
Porto
Berna, Suiça
Colunistas

Como se trata a pedofilia?

Sendo a pedofilia um tema cada vez mais falado na nossa sociedade, por atingir muitos padres e freiras mas também pessoas casadas e com filhos, pergunto-me porque não se fala também mais em prevenção e tratamento da mesma.

Será por falta de informação? Será pelo estigma associado?

Como em qualquer outra perturbação mental, quando mais cedo a pessoa procurar ajuda profissional adequada, melhor.

O psicólogo pode ajudar a pessoa com esta perturbação através de uma abordagem cognitivo-comportamental no sentido de um controle dos impulsos sexuais que agridem crianças, bem como de uma abordagem sexual em que o paciente adquire determinadas competências para uma sexualidade saudável. À semelhança da intervenção noutras perturbações mentais, são incentivadas técnicas de auto-observação, auto-percepção, auto-conhecimento e auto-desenvolvimento em termos de pensamentos, sentimentos e comportamentos para resolução de conflitos, lidar com o stress, aumento da auto-confiança e auto-estima, e melhoria da comunicação. Por outro lado, através da técnica do role-play, o paciente coloca-se na posição da vítima. Uma técnica também muito utilizada para o desenvolvimento da empatia e a tolerância à frustração é a modelagem. Simultaneamente é trabalhada a rede de suporte do paciente.

O psiquiatra pode ajudar a pessoa com esta perturbação por meio de medicamentos que diminuam os impulsos sexuais que agridem crianças, seja esta agressão pelo acto em si ou pela visualização de pornografia.