De que está à procura ?

suica
Lisboa
Porto
Berna, Suiça
Comunidades

Carne portuguesa promove-se no Luxemburgo

A marca Portuguese Beef estará presente na próxima edição da Foire Agricole Ettelbruck (FAE) que decorrerá de 29 de junho a 1 de julho, na cidade de Ettelbruck, com o objetivo de exponenciar a carne bovina das raças autóctones portuguesas no Benelux. Paralelamente, decorre a ação Portuguese Beef Tasting – Luxembourg, no restaurante L’Avenue, na cidade de Luxemburgo, no dia 30 de junho, às 18h30. Este evento é complementar à presença na feira e consistirá num cocktail, que possibilitará aos participantes saborear a carne das várias raças autóctones abrangidas pelo projeto.

Ambas as ações referidas integram-se na estratégia de internacionalização do projeto Portuguese Beef, que é promovido pela Federação Nacional das Associações de Raças Autóctones (FERA) e cofinanciado pelo Programa Operacional para a Competitividade e Internacionalização do Portugal 2020 (Compete 2020).

Esta não é a primeira organização Portuguese Beef, a promoção da carne portuguesa já passou pelo certame Salon International de L’Alimentation (SIAL), em Montréal, Canadá, no passado mês de maio. Os produtos promovidos despoletaram curiosidade e interesse entre os visitantes, possibilitando o estabelecimento de vários contactos. O êxito da participação neste certame proporcionou a agilização dos procedimentos alfandegários que esta classe de produtos exige.

De referir ainda que decorreu na cidade de Santarém, nos passados dias 6 e 7 de junho, a primeira edição do Portuguese Beef Tasting (veja vídeo abaixo), que reuniu, entre outros convidados, cerca de duas dezenas de potenciais importadores de vários mercados europeus. O apogeu do evento ocorreu na tarde de dia 6 que, com a participação de diversos oradores, foi possível conjugar a qualidade da carne bovina, com o corte, a confeção e a degustação dos produtos cárneos com a harmonização de vinhos portugueses. Assim que degustados e apreciados, os vários agentes e intermediários usufruíram de vários momentos de partilha de experiências, conhecimentos e criação de sinergias.

O projeto Portuguese Beef visa a promoção, divulgação e disseminação da carne bovina das raças autóctones portuguesas, com especial ênfase às raças Arouquesa, Barrosã, Cachena, Marinhoa, Maronesa, Minhota e Mirandesa.

As raças mencionadas estabelecem-se essencialmente nas zonas do interior, em territórios de baixa densidade e em sistemas de produção equilibrados, sustentáveis e ecológicos, traduzindo uma adaptação dos animais à diversidade das regiões. Representam um património genético valioso, possuindo um grande potencial de valorização económica, associado ao fomento de produtos tradicionais e de qualidade.

O projeto permitirá alavancar a procura por produtos de reconhecida qualidade com Denominação de Origem Protegida, cujo modo de produção se desenvolve através da alimentação em pastos naturais, respeitando sempre o ecossistema. De igual modo, possibilitará o fomento das exportações e a criação de emprego, bem como o surgimento de novos produtos, aliando a tradição à inovação.

Ambas as ações referidas integram-se na estratégia de internacionalização do projeto Portuguese Beef, cofinanciado pelo Programa Operacional para a Competitividade e Internacionalização do Portugal 2020 (Compete 2020), no âmbito do Sistema de Apoio a Ações Coletivas (SIAC), envolvendo um investimento elegível de 427 mil euros o que resultou num incentivo proveniente do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) de cerca de 363 mil euros.